BioFogO COMBUSTÍVEIS

O futuro unicamente pertence à natureza 

The only future belongs to nature

FOLDER BRIQUETES

 

 

Briquetes  (Lenha ecológica) - Um produto ambientalmente correto

 

Imagens ilustrativos

 

Protege o Meio Ambiente, não usa a natureza!

É de conhecimento geral que as matas e florestas são extremamente importantes para o equilíbrio ecológico de nosso planeta. Tal conscientização ambiental tem levado à busca por alternativas de convivência pacífica entre o padrão de desenvolvimento humano atual e a natureza.

Dentre os produtos que compõem este tipo de convívio harmônico está o BRIQUETE, substituto da lenha 100 % reciclado, natural e ecológico, ajudando a diminuir o desmatamento das florestas e conseqüentemente o aquecimento mundial.

Os consumidores finais ocupam um lugar de destaque na comercialização do briquete. Além da melhoria da qualidade de vida para produtores e consumidores, o briquete está associado à PRESERVAÇÃO AMBIENTAL.

O que é Briquete?

Briquete é um produto 100 % reciclado, feito da compactação de resíduos de madeiras, florestais ou industriais (serragem, cavacos, maravalhas, cascas, etc.), ou de outros materiais vegetais (ex. palha café, casca de arroz, bagaço de cana, etc.), limpos, não tratados ou acabados, na maioria do tipo composto de resíduos de madeira sem o uso de produtos químicos ou aglomerantes.

O briquete é uma lenha ecológica que é resultado do processo de secagem e prensagem de resíduos como serragem ou pó dos mais diversos tipos de madeira ou vegetais substituindo com inúmeras vantagens a lenha convencional na sua totalidade, sem a necessidade de qualquer modificação no equipamento, inclusive nos novos fornos compactos a lenha para padarias (turbo), assegurando assim economia, comodidade, rentabilidade e garantia no fornecimento.

Trata-se de um combustível substituto, com vantagens econômicas, logísticas, operacionais e ecológicas da lenha, óleo combustível (BPF), carvão, gás natural, GLP e eletricidade, adequado para caldeiras industriais, fornos, fogões, estufas, fornalhas, lareiras e churrasqueiras. Produto industrial podendo ser encontrado em medidas e diâmetros diversos, o ano todo.

Para se ter uma idéia, cerca de 30kg de briquetes geram energia equivalente a 100 KWh/mês de energia elétrica convencional.

O uso de briquetes proporciona maior acesso as Certificações Ambientais, tais como os ISO’s (9000, 14000) e à adequação as Leis e outros parâmetros ambientais que envolvem a operação de um empreendimento onde seja necessária a queima de biomassa.

Para sua compra, transporte e queima, são dispensadas as taxas de reposição florestal e guia de transporte do IBAMA (ATPF/RET) incidentes no Brasil, pois é um produto proveniente do reaproveitamento de resíduos das atividades florestais e de agriculturas. O pó-de-serra que era armazenado a céu aberto na natureza, contaminando e poluindo as nascentes e os lençóis freáticos, hoje com a briquetagem está se transformando em um produto ecologicamente correto, transformado em energia, com alto poder calorífico e ajudando a preservar a natureza.

 

Processo de briquetagem

A briquetagem é um processo de compactação de resíduos. Os resíduos geralmente apresentam baixa densidade dificultando e encarecendo o transporte e a estocagem. Para se conseguir utilizar ou reciclar os resíduos é preciso transportá-los e armazená-los. A densificação dos rejeitos através da briquetagem viabiliza a valorização de uma série de resíduos e promove sua homogeneização em termos de umidade, granulometria e densidade.

A densificação mediante a briquetagem consiste em gerar mecanicamente elevadas pressões que provocam um incremento térmico da ordem de 100 graus. Esta temperatura provoca a plastificação da lignina, que atua como elemento aglomerante das partículas de madeira, uma razão muito importante da não necessidade de adicionar produtos aglomerantes tais como resinas químicas, então o briquete é um produto 100% natural e ecológico. Mas para que essa aglomeração tenha sucesso na compactação do produto é necessário que a umidade do material (serragem ou outros) esteja em torno de 8 a 15 %, e o tamanho das partículas de 5 a 10 mm. No caso de resíduos vegetais a matéria-prima passa por um secador submetida a um elevado grau de temperatura e usa a própria substância vegetal, chamada de lignina, que atua como elemento aglomerante das partículas. 

Na verdade a briquetagem, ou compactação, ou prensagem, não é utilizada só para resíduos vegetais, é também empregada para compactar ou aglomerar minérios, finos de carvão vegetal, restos de metais e produtos químicos variados.

Existem diferentes prensas para compactar resíduos. Os resíduos após transformação em cavacos e secos entre 12 a 18 %, podem ser briquetados em extrusoras de pistão mecânico, em prensa hidráulica, ou extrusoras de rosca sem fim ou ainda pelletizados.

Este processo possui a vantagem de transformar um resíduo vegetal de baixíssima densidade em um combustível substituto de lenha de alta qualidade.

Formatos

Cilíndricos, com diâmetros variável de 85 até 105 mm e medindo entre 5 cm (bolachas) até 50 cm de comprimento variável, dependendo do tipo de consumo e porte da maquina briquetadeira usada pelo fabricante dos briquetes (confere o sortimento briquetes BioFogo).

Queima

A queima do briquete não necessita de nenhum equipamento especial, seja no fogão, na caldeira ou na fornalha. A forma de partida é a mesma já utilizada pelo sistema com a lenha comum.

Toda fornalha preparada para a queima de lenha está pronta para a queima do briquete. A alimentação manual, para maior eficiência do produto e menor poluição, é aconselhável que seja mais contínua e com a menor quantidade possível. A combustão do produto é limpa, sem cheiro e fumaça.

A queima do briquete não é igual à da lenha! Por existir mais componentes voláteis em sua composição, as entradas e exaustão de ar devem ser bem reguladas para a queima regular e econômica de briquetes ou em mistura com lenha. Com maior teor de cinzas também devem ser limpos o cinzeiro e a grelha da caldeira com maior freqüência.

Exemplo básico para o acendimento em fornos de pizzaria: separar umas 6 torrinhas de briquetes, colocar um pouco de farinha de trigo por cima das toras (a farinha de trigo impregna na madeira, tornando mais fácil a combustão) colocar dentro do forno, juntas, e atear fogo. Manter o abastecimento conforme a necessidade.

Em dias de pouco movimento, pode se administrar à queima, pois o briquete pode ser quebrado e colocado no forno somente o necessário.

Em lareiras, fornalhas e fogões a lenha, o procedimento é igual.

Em caldeiras coloca-se o produto na anti-fornalha, na sua quantidade devida (verificar tipo de caldeira e potência), jogar um pouco de óleo diesel e dar a partida.

Para comparar o desempenho de briquetes com o de lenha devem ser realizados testes de ambos os combustíveis isoladamente e também em consórcio, para que seja avaliada a relação ideal de custo x benefício. Cada cliente encontrará uma relação diferente, dependendo da lenha, do tipo de caldeira, do operador e da demanda de seu equipamento de combustão.

Armazenamento

Produto cujo armazenamento ocupa pequeno espaço, que pode ser próximo à fornalha.

15 t de briquete necessitam de 25 m², o que equivale a 90 m³ de lenha aproximadamente.

Aconselha-se estocar o produto em ambiente seco e arrojado, preferencialmente colocado em cima de palletes ou outro tipo de material isolando o produto da umidade do chão.

Uma tonelada de briquetes substitui com vantagens:

Até 7 m³ de lenha de cerrado seca e com diâmetro de 20 cm.

Até 5 m³ de lenha de mata seca e com diâmetro uniforme.

Até 5,5 m³ de lenha de eucalipto seca e com diâmetro de 20 cm.

Como as torrinhas de briquetes são padronizados e pequenas, não danificam as grelhas das fornalhas, e produzam menos fumaça que a lenha, devido à baixa umidade.

Comparativo entre diversos briquetes com a Lenha (médias)

  Material

 Casca de Arroz

Algodão (Resíduos)

Maravalhas

e pó-de-serra Pinus

Maravalhas

e pó-de-serra 

Madeira de Lei

Maravalhas

e pó-de-serra

Eucalipto

Lenha Comercial

Poder Calorífico

3.800

4.300

4.400

4.800

4.500

1.700~2.500

Peso a Granel (m³)

650~700

650~700

700~750

700~860

700~780

350~400

Peso Específico (t)

1,1

1,1

1,17

1,2

1,18

0,6

Umidade (%)

11

12

9

12

11

25~45

 

Quadro Comparativo – Principais vantagens do Briquete sobre a Lenha

 

Lenha

Briquete

Poder Calorífico

Baixo, 1700 – 2500 kcal/kg

Alto, 4000 – 4800 kcal/kg

Umidade

Alta, 20 – 45 %

Baixa, 8 – 12 %

Rendimento

Irregularidade térmica, baixa uniformidade e temperatura de chama

Regularidade térmica, alta uniformidade e temperatura de chama

Resíduos de cinzas, fuligem,  fumaça

Alto volume

Baixo volume

Manuseio, mão de obra

Dificuldade por não existir uniformidade, trabalhoso

Facilidade por ter forma e embalagem padronizada

Espaço físico armazenamento

Ocupação de grande espaço

Ocupa pequeno espaço

Higiene, Limpeza

Sujeira, umidade, bichos, contaminação

Limpo, seco, sem bichos e contaminação

Licença ambiental

Necessidade de licenciamento e guia de transporte ATPF/RET do IBAMA, com taxas a pagar

Dispensado de guia de transporte e fiscalização, sem custos

Comercialização

Por m³ (impreciso)

Por peso (exato)

Disponibilidade

Irregular, inseguro

Regular, constante

 

   

Quadro de consumo (ilustrativo, médias)

Tipo dispositivo queima

Consumo mensal

Lenha (média, variável*)

m3 / mês

Consumo mensal

Briquetes (média, variável*)

kg / mês

Fogão a lenha

07

1.000

Lareira (em média)

07

1.000

Forno (tipo turbo) - Padarias

11

1.500

Forno p/6 Pizzas - Pizzarias

14

2.000

Caldeira 500 kg kvapor/hr

25 3.550

Caldeira 1 tn kvapor/hr

50 7.100

Caldeira 2 tn kvapor/hr

105

15.000

Caldeira 4 tn kvapor/hr

210

30.000

 *) consumo variável dependendo de muitos fatores, tais como estado de manutenção e regulagem do dispositivo de queima e características técnicas dos produtos de lenha (umidade e tipo de madeira entre outros) e do briquete (em especial o valor calorífico e densidade de compactação).

 

 

Comparativo entre Lenha, Briquete e Óleo B.P.F (Baixo Ponto Fluidez) 1 A

 

Lenha    Briquete    Óleo BPF 1 A
14 m3 2,1 ton = 1 tonelada

 

Seu alto poder calorífico proporciona grande economia em padarias, caldeiras industriais, fornos de pizzarias, cerâmicas, lareiras, secadores de cereais, saunas, etc..

Substituto eficiente e mais econômico do óleo BPF em caldeiras industriais, a gás ou a energia elétrica. Os sistemas de alimentação de caldeiras, fornalhas e outros podem ser feitos manualmente ou automatizados, já que o briquete é um produto de tamanho e umidades padrões, utilizável em qualquer equipamento em que se use lenha, sem necessidade de qualquer adaptação.

Vantagens no uso de briquetes

  • Melhor aparência, maior higiene, ótimo para uso em indústrias alimentícias e estabelecimentos de alimentação (pizzarias etc.);
  • São produzidos em tamanhos padrões;
  • Uma tonelada de briquete substitui até 7 m³ de lenha;
  • Poder calorífico de 2.5 vezes maior do que o da lenha comum apresentando regularidade térmica e maior temperatura da chama;
  • Fácil compra, manuseio, estocagem e controle, porque é vendido por tonelada e não por metro cúbico;
  • Pouca necessidade de estoque, pois é um produto industrializado e disponível o ano todo.
  • Formato geométrico facilita o transporte, manipulação e armazenamento. Possibilidade de abastecimento através de alimentação automatizada (bolachas de briquetes) para queima em caldeiras;
  • O Briquete é vendido por peso certo e com umidade controlado. Já a lenha é comercializada por m³ e tem umidade não controlada, bem maior e ainda permite perdas devido aos vazios em seu empilhamento;
  • Sua embalagem facilita o manuseio, a estocagem e o controle de estoque;
  • Espaço de armazenagem reduzido, possibilitando assim a manutenção de estoques reguladores e de emergência;
  • Seu manuseio utiliza menos mão-de-obra que a lenha;
  • Alta combustão e grande poder calorífico;
  • Alta temperatura da chama;
  • Rápida resposta da temperatura e maior estabilidade;
  • Baixa manutenção de fornalhas e grelhas;
  • Não danifica a fornalha no manuseio de abastecimento;
  • Não uso de produtos químicos em sua fabricação, produto natural e não-tóxico;
  • Na queima, deixa poucos resíduos, não exala cheiro e há pouca fumaça;
  • Devido à baixa umidade a temperatura se eleva rapidamente, produzindo menos fumaça, cinza e fuligem em relação à lenha;
  • Produto 100 % reciclado e ecologicamente correta, pois é constituído de resíduos vegetais, contribuindo inclusive para evitar a derrubada de florestas nativas;
  • Fim da queima de resíduos; 
  • Possibilidade de uso em consórcio com a lenha ou outra biomassa mesmo que esta esteja úmida;  
  • Maior estabilidade e rapidez na resposta da temperatura;
  • Menor índice de poluição pois é um combustível renovável;  
  • Menor manutenção regular em grelhas e fornalhas.
  • Menor custo direto e indireto;
  • Menor necessidade de estoque, uma vez que o produto é seco e pronto para a queima;
  • Maior higiene e melhor aparência, sem aditivos e sem contaminação, ideal para a indústria alimentícia;  
  • Produto industrializado disponível o ano todo, em estado seco;
  • Maior facilidade de transporte, estocagem e manuseio;
  • Isento de qualquer fiscalização pelos órgãos competentes, IBAMA ou mesmo reposição florestal;
  • O uso de briquetes agrega valor ao seu produto ou serviço e valoriza a imagem sócio-ambiental de sua empresa, mostrando responsabilidade ambiental associada a visão dos dirigentes da empresa.

Briquetes são destinados como combustível alternativo para os seguintes equipamentos e setores:

Fornos, fogões e aquecedores:

 Gastronomia:

  • Pizzarias

  • Restaurantes com fogões a lenha

  • Churrascarias

Comércio:

  • Padarias

  • Supermercado/Varejo especializado

Residências:

  • Fogões a lenha

  • Lareiras

Fornalhas e Caldeiras:

 Indústrias:

  • Panificadoras

  • Recauchutadoras

  • Tinturaria

  • Fábrica têxtil

  • Cerâmica

  • Secadores industriais

  • Metalúrgicas

  • Indústrias de Cal e Calcário

  • Indústrias de Cimento

  • Aquecedores industriais para ambientes

Agroindústrias:

  • Laticínios

  • Frigoríficos / Abatedouros / Matadouros

  • Torrefação de Café (torradores)

  • Secadores de cereais

  • Esmagadoras de soja

  • Granjeiros (aquecedores)

  • Curtumes

  • Indústrias de alimentos diversos

  • Cervejarias

  • Indústrias de refrigerantes

  • Destilarias

Prestadores de Serviços:

  • Lavanderias

  • Hotéis / Motéis / Pousadas

  • Piscinas / Saunas

  • Hospitais

E outros mais  (veja fotos diversos aplicações)

 

 

A BioFogo Distribuidora Ltda. surgiu da oportunidade verificada de operar na área de energia alternativa, no caso do biocombustível sólido através da comercialização de carvão vegetal e de briquetes, um produto que apresenta inúmeras vantagens aos seus consumidores.

Somos uma empresa especializada no fornecimento de combustível sólido com muitos anos de experiência no mercado de carvão vegetal e lenha, introduzindo na nossa linha de distribuição de produtos o briquete como solução de combustível ecologicamente correta para a geração de energia e economicamente vantajosa.

 

LINHA DE PRODUTOS DE BRIQUETES

Mantemos disponibilidade de qualidades diferentes de produtos com preços e embalagens diferenciados.

Por favor pede uma proposta ou consulte a nossa tabela de preços.

 

EMBALAGENS, FORNECIMENTO E TRANSPORTE

Briquetes são fornecidos na forma de:

Torrinhas cilíndricas:

nas seguintes embalagens:

  • em sacos de ráfia com peso variável entre 25 – 40 kg, dependendo do produto e fabricante;  

  • sob encomenda especial e contrato de fornecimento em caixas de papelão;

  • desenvolvimento de embalagem especial conforme necessidade do cliente;

  • Pode ser fornecido palletizado (sob consulta);

  • e/ou sob encomenda especial e contrato de fornecimento para cargas fechadas em carretas (27 toneladas) ou caminhão bi-trem (40 toneladas):

    • a granel em big-bags de 250 - 600 kg;

    • a granel solto, carregado diretamente no caminhão.

Bolachas (pedaços pequenos, ideal para alimentação automatizada) – artigos especiais, sob consulta:

  • a granel em big-bags de 250 - 600 kg;   

  • a granel solto, carregado diretamente no caminhão.

big-bags (polipropileno)           imagens ilustrativas

PEDIDOS

Preços diferenciadas para quantidades mínimas de acordo com produto e pedido por entrega. Qualquer quantidade pode ser retirada em nosso depósito a preços FOB (a agendar e consultar disponibilidade imediata pelo telefone 032 – 3341-1428). Para facilitar o envio de um pedido seu disponibilizamos um formúlario de pedido (formato Excel) para preenchimento e envio, seja por e-mail ou via fax.

 

ENTREGAS

Fornecimento com caminhões próprias ou terceirizadas.

Oferecemos preços com frete pago (CIF) até sua empresa se aproveitar os nossos itinerários estabelecidos para entrega regional e planejadas para entrega semanal, facilitando a sua disposição de compra, sob condição de pedido mínimo por entrega.

 

PAGAMENTO

Sem cadastro A Vista, contra entrega. Clientes com cadastro aprovado (formulário de cadastro em formato Excel), faturado a prazo (prazo a combinar).

 

ATENDIMENTO REGIONAL

Atualmente atendemos pedidos para entregas nas cidades da região de CAMPO DOS VERTENTES. Sob consulta atendemos pedidos especiais para outras regiões, tais como Juiz de Fora, Conselheiro Lafaiete e outras localidades.

 

BioFogo Distribuidora Ltda.

Rua Dionísio Augusto Costa, 269 / Galpão 3

Bairro Pinheiros,  Ressaquinha – Minas Gerais, CEP 36270-000

( BR 040, altura km 678, Autoposto Ipiranga / Complexo Antigo Curtume)

Telefone/Fax (32) 3341-1428

E-Mail: biofogo@city10.com.br

Seja ecologicamente correto, use briquetes.

Biomassa > Fonte renovável de energia - 100 % Ecoeficiente

  Folder Briquetes - Setembro 2008

Todos direitos reservados 

Copyright © 2008 - Biofogo Distribuidora Ltda.             O futuro unicamente pertence à natureza

http://www.biofogo.com.br